16 de janeiro de 2013

Afinal é o leite que nos faz mais inteligentes?




Há pouco tempo dei-vos conta de um estudo publicado no New England Journal of Medicine que relacionava o consumo per capita de chocolate num país com o número de prémios Nobel atribuídos. Ora, afinal pode não ser o chocolate a elevar-nos a inteligência mas sim o leite. Ou se calhar o chocolate de leite... Um novo estudo publicado agora no Practical Neurology mostra uma relação exponencial e com a mesma força entre o consumo de leite e o número de prémios Nobel (gráfico no final). Para mais, a Suécia já não é um outlier e fica absolvido das suspeitas de fraude levantadas no trabalho anterior. Desta vez os autores sugerem que uma possível explicação será o teor em vitamina D, envolvida na potenciação da função cognitiva. Um outro aspecto referido, perfeitamente plausível, é que os vencedores do Nobel celebram com brindes de leite...



Pract Neurol 13:63 doi:10.1136/practneurol-2012-000471

1 comentário:

  1. Parece-me óbvio que a variável PIB per capita também correlaciona com este gráfico logo o leite e chocolate não terão nada a ver com isto.

    ResponderEliminar