26 de março de 2013

Desmascarando a dieta Paleo - TED Talk



Este é apenas um dos muitos problemas com a dieta Paleo. E uma das razões para eu não defender a dieta de coisa nenhuma. Tem mais buracos "científicos" que um queijo suíço (mas se calhar não tantos como a tradicional...). Normalmente, quando existem duas correntes tão dispares a verdade anda algures pelo meio. E a ciência, o conhecimento, é a melhor forma que temos de chegar lá perto... Sem preconceitos, crenças e política.



11 comentários:

  1. apesar de no inicio nao parecer, acabou por dar razao á dieta paleo.
    aquilo que é a dieta paleo foi as conclusoes a que ela chegou no fim.
    Diversidade alimentar, local, muitos legumes, exercicio, e evitar o processado.

    Acabou por reforçar aquilo que a dieta paleo.

    Infelizmete sim, á malta que acha que paleo é comer carne á "fartazana"

    ResponderEliminar
  2. Sigo paleo low carb e como apenas 200gr de carne por dia. Por isso la se vai por terra o comer carne a fartazana ahaha.

    ResponderEliminar
  3. Sinceramente, não me convence. Naquilo que diz, que me parece correto, não contradiz aquilo que sei que a corrente da dieta do paleolítico afirma. A senhora constrói uma ficção ("um homem de palha") que chama de dieta do paleolítico e imputa-lhe singeleza de análise, um desconhecimento científico abissal (de todo o tipo) - até eu, que não sou da área, consigo perceber isso - e por aí adiante, para poder construir um caso minimamente convincente. Eventualmente, haverão práticas e afirmações que se aproximam deste perfil, mas isso não desculpa o comportamento intelectual da senhora...
    Aliás, et pour cause, é espantoso, e significativo,não entrar em linha de conta com a importância para a corrente dos estudos dos povos contemporâneos que vivem ao nível do paleolítico.

    ResponderEliminar
  4. Ser paleo não é o oposto de ser vegetariano... Ela realmente não pegou o cerne da coisa.

    ResponderEliminar
  5. Alguém não teve atenção na parte onde se disse que alimentos e menus usados atualmente não estavam disponíveis no Paleolítico...

    ResponderEliminar
  6. Exacto. A linha de argumentação de que a dieta paleo não tem sentido porque os alimentos evoluiram, por força nomeadamente da agricultura humana, e logo não é possível reproduzir a alimentação dos nossos antepassados não lembra o menino Jesus, mas lembrou à senhora.
    PS: Há sempre a possibilidade de haver uns loucos que o façam, mas eu não os conheço

    ResponderEliminar
  7. Responder à Sra. do video:

    Comprimentos de colons e afins - Nós estamos no meio entre os carnívoros e os herbívoros e frutívoros, querendo dizer que que devem comer mais carne ou plantas? Eu voto nos dois. Muito parcial esta arqueóloga...

    Dentes: Não temos dentes de carnívoro mas temos polegares oponíveis! E o controlo sobre o fogo desde o paleolítico inferior. Só há adaptações genéticas quando existe necessidade. Se matávamos com recurso a inteligência, armas e cozinhávamos com fogo, pq raio haveríamos de ter dentição de "carnívoros"? Muito parcial esta arqueóloga...

    Não encontramos vestígios proteicos na placa dentária. Tenho muita dúvidas. Não explicou o efeito de tantos anos sobre os restos de carne mais as bactérias da boca alimentarem-se dessa proteína.

    Permitam-me o seguinte comentário de pseudo-ciencia (já que a Sra. fez tantos...):
    Desconfio, pela tamanho da celulite nas ancas da Sra. e da sua pele reluzente, que estamos na presença de uma vegetariana.

    Cumprimentos,

    Rodrigo Melo

    ResponderEliminar
  8. CHRISTINA WARINNER’S “DEBUNKING THE PALEO DIET”, OBSCURANTISM AT ITS VERY BEST.

    http://blog.mymedicalmeals.com/news/christina-warinners-debunking-paleo-diet-obscurantism-at-its-very-best/

    Achei interessante partilhar.

    ResponderEliminar
  9. E o que vc sugere?? A piramide alimentar e sua recomendação de nos entupir com carboidratos como farinha e grãos?

    Certo, agora, sabe quem criou a piramide alimentar? O departamento de AGRICULTURA dos Estados Unidos... e o que o departamento de agricultura produz mesmo??? FARINHA E GRÃOS!!

    É só pensar um pouquinho amigo.

    ResponderEliminar
  10. http://robbwolf.com/2013/04/04/debunking-paleo-diet-wolfs-eye-view/

    ResponderEliminar
  11. Ela mistura homem paleolítico (8 mil anos) com neandertais. Sua margem de erro antropológico é de mais de um milhão de anos, hahaha.

    ResponderEliminar